February 3, 2019

Please reload

Posts Recentes

OS DESAFIOS DO MERCADO DE TRABALHO PARA O RECÉM-FORMADO DE ENFERMAGEM

May 20, 2018

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

ESTÁGIO EXTRACURRICULAR EM ENFERMAGEM

 

Essa semana vamos falar um pouco sobre os estágios extracurriculares na formação dos estudantes de Enfermagem. Veja como você pode se organizar e alcançar voos mais altos na profissão que escolheu seguir.

 

Nos currículos dos Cursos de Graduação em Enfermagem estão incluídos os estágios curriculares supervisionados. Nessa modalidade de estágio, o estudante deve cumprir 800 horas de estágio curricular para vivência social, profissional e cultural em situações reais no âmbito profissional. Assim, essa atividade deverá ser realizada na comunidade em geral e junto aos serviços de saúde públicos ou privados, sob a responsabilidade e coordenação da instituição de ensino em que o estudante se encontra matriculado.

 

Atualmente, as universidades proporcionam esse período de estágio curricular no último ano letivo, após o estudante já ter vivenciado as práticas clínicas na saúde da mulher, adulto, criança e adulto. Ao ser apresentado sobre a obrigatoriedade de cumprir 800 horas de estágio curricular é comum o seguinte comentário: Nossa!!! Tudo isso? Se pararmos para refletir o quanto devemos aprender e apreender sobre o universo em que a Enfermagem está inserida, esse número se mostra muito pequeno. E quando o estudante finaliza sua formação tem a sensação "Nossa! foi muito pouco tempo para eu aprender a ser enfermeiro!".

 

Pensando nisso e na preparação dos futuros enfermeiros, existe uma modalidade de estágio, que vem ganhando espaço cada vez mais nos últimos anos: o estágio extracurricular em Enfermagem. Este tipo de estágio não recebe contribuição das instituições de ensino, mas contribui para o desenvolvimento da formação profissional.

 

Muitos serviços de saúde da rede pública e privada oferecem campos de estágios extracurriculares aos estudantes de Enfermagem nas mais variadas áreas de atendimento. Muitos deles são remunerados ou pagam uma bolsa de estudos para os estudantes. Se você tiver interesse de se inscrever em algum programa, deixo alguns links abaixo para você estudar as possibilidades.

 

A entrevista com o estudante do curso de Graduação em Enfermagem, Gustavo Schiavone, que termina o curso no final de 2018, mostra um pouquinho desse universo dos estágios extracurriculares. Confira abaixo.

 

O que te motivou procurar o estágio extracurricular?

A princípio, foi a oportunidade de adquirir experiência pratico-teórica, e conseguir vestir a camisa do enfermeiro frente aos desafios da profissão. É fato que o mercado de trabalho está cada vez mais exigente, e a procura de candidatos que tenham algum tipo de traquejo na área de atuação, portanto, é essencial que o acadêmico de Enfermagem busque o enriquecimento de seu currículo antes mesmo da conclusão do curso. Fui também muito instigado e orientado pelas minhas professoras, que incentivaram minha participação nos processos seletivos, e esta motivação foi de suma importância.

 

Quais eram suas expectativas antes do estágio? Elas foram alcançadas?

Quando fiz minha inscrição para o processo seletivo, ainda não havia passado por estágios obrigatórios na universidade, portanto, minhas expectativas eram muito altas. Eu almejava entender melhor as práticas que envolvem nossa profissão, e adquirir a auto confiança necessária para ser enfermeiro, bem como a observação das rotinas, o entendimento do setor de atuação e das particularidades da vida real. Ainda continuo fazendo o estágio e durante o programa de estágio, todas as expectativas estão sendo alcançadas, e sou muito grato pela oportunidade de estar em um setor fechado, que me instiga a melhorar e evoluir constantemente.

 

Como você vê o estágio extracurricular na sua formação acadêmcia?

Eu o vejo como uma oportunidade inigualável de colocar em prática tudo o que aprendi na faculdade. Os livros nos mostram o que é cientificamente comprovado, mas nem sempre tem a capacidade de nos colocar frente às situações reais do cotidiano. Temos que aprender a prestar uma assistência de excelência, superando expectativas e utilizando os recursos que nos são dispostos. Foco no paciente e em sua família requer atenção, dedicação, prática e muito conhecimento teórico. O estágio nos insere dentro da real situação de um setor, onde os improvisos e trocas de experiências são imprescindíveis para a formação de um bom enfermeiro.

 

Como foi o processo de entrar como estagiário no local onde você está atualmente?

Eu prestei dois processos seletivos, e ambos seguiram o mesmo caminho para contratação. Onde estou estagiando hoje, o processo iniciou com a inscrição on-line no próprio site do Hospital, para graduandos do último ano. Após a inscrição, fui convocado à uma prova teórica presencial, modelo múltipla escolha, com aproximadamente 50 questões gerais, que envolviam procedimentos de enfermagem, cálculo de medicamentos, conhecimento farmacológico, saúde do adulto, UTI, centro cirúrgico, processos de enfermagem, ética, legislação, metas internacionais de segurança do paciente e outros. Após esta etapa, os convocados foram sujeitos à uma dinâmica em grupo, que focou na apresentação pessoal e em debates éticos de conduta do enfermeiro. Acho válido ressaltar que as perguntas foram bem elaboradas, e fomos avaliados por uma equipe de enfermeiros e psicóloga. Dentre estes questionamentos, entraram: motivo de escolha da profissão, qualidades e defeitos, estado civil, experiências anteriores etc. Passando pela etapa de dinâmica, tivemos uma última entrevista com o gestor do setor para qual fomos contratados, no meu caso, com a coordenadora de enfermagem do Centro Cirúrgico. Foi um processo bem longo, porém essencial e gratificante. Vale a pena ficar atento às respostas dadas, à vestimenta, linguagem não verbal, aparência e, principalmente muito estudo sobre a instituição contratante, focando na história do hospital, missão, visão e valores intrínsecos no perfil do local.

 

Tem alguma dica para dar aos estudantes que gostariam de iniciar um estágio extracurricular?

A principal dica que posso dar é o estudo. Durante o processo de contratação e integração, somos sujeitos a diversos questionamentos, portanto, dedicação aos estudos é essencial. Atenção também aos editais, pois os mesmos oferecem informações muito relevantes a respeito da seleção, bem como as exigências e os documentos necessários. Outra dica é não ter medo, afinal mesmo que não seja contemplado com a vaga, a participação em um processo seletivo nos coloca à prova de nós mesmos, e isso permite um enriquecimento pessoal bem importante. É bom citar também que é legal participar em mais de um processo, aumentando as chances de contratação e oportunidades. Fique sempre atento à abertura das inscrições e compareça sempre no horário e data marcados, afinal atrasar não é bem visto. Por fim, esteja disposto a aprender, sempre. Ser enfermeiro requer muita atenção e dedicação, e isso será muito cobrado do estagiário. Vá de mente aberta à novos aprendizados e dê o seu máximo para absorver tudo o que o local de proporciona, lembrando sempre em focar no paciente e na qualidade dos serviços prestados ao mesmo. Desejo muito sucesso, e uma boa sorte a todos que participarem de processos para estágio extracurricular. É uma ótima oportunidade para qualquer estudante de graduação que queira se colocar à prova, e enriquecer o currículo profissional.

 

E então? Já pensou em encarar essa etapa em sua formação profissional?

 

Abaixo alguns links para você conhecer mais sobre os estágios extracurriculares:

 

http://www.cofen.gov.br/resoluo-cofen-2992005-revogada-pela-resoluo-cofen-n-3712010_4334.html

https://www.einstein.br/sobre-einstein/trabalhe-conosco/programa-estagio-enfermagem

https://www.hospitaloswaldocruz.org.br/trabalhe-conosco/estagio-em-enfermagem

https://www.contratanet.com.br/estagio/saopaulo/estagioenfermagem/1010410

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© E-NURSING CURSOS PARA ENFERMAGEM - 2017